Páginas

domingo, 30 de dezembro de 2012

Desejos de Ano Novo

Superstições aparte, que não sou nada supersticiosa, descobri recentemente que os desejos de Ano Novo são importantes. E porquê? Porque me mostram exactamente o que é mais necessário para mim nesse momento, quais as minhas prioridades. São doze, as doze badaladas, os doze meses do ano, etc. Nem sempre tenho 12 desejos - quando não tenho, repito os mais relevantes. Ora aí está.
 
Não são nada de mais. Não peço para ser mais bonita nem mais magra nem mais interessante, nem para ganhar o euromilhões, o que só seria possível SE JOGASSE.
 
Gasto três ou quatro de imediato com a saúde e bem estar dos meus, os filhos à cabeça e depois os restantes.
Depois vem o resto:
Trabalho, que agora é mais importante do que nunca;
Dinheiro, não vá ele escassear;
Felicidade geral, que fica sempre bem, e as coisas do costume.
 
E só no fim, não vá ser demasiado egoísta, coisas da minha escrita - ser capaz de escrever, e se possível escrever mais e melhor, publicar um livro (bom... outro livro).

Para já, antes que chegue a meia noite, desejo é a todos um FELIZ ANO NOVO,
e muita energia neste ano difícil que vai ser
 

4 comentários:

Marg disse...

Um ÓPTIMO 2013, Carla!

E que todos os desejos se concretizem!

v_crazy_girl disse...

Feliz Ano Novo!! :D

bjs*

nuno chaves disse...

Feliz Ano Novo Carla. Pediste o que é justo!

Alexandra Rolo disse...

allô. deixei-te um selinho no blog ;)